Um olhar sobre a cidade de Braga

Cidade. Nas palavras de Lefebvre (1991/2011, p. 101), “a cidade não é apenas uma linguagem, mas uma prática”. É construída, moldada e significada por quem ali caminha e habita.

Não há cidades iguais. As cidades são constituídas por pequenos-imensos fragmentos, contributos de cada um de nós, sujeitos históricos. Assim, compreendemos que a cidade é feita de história, assim como é feita de “vida”.

Nesse sentido, como se define a cidade de Braga? Como podemos compreendê-la?

No âmbito das candidaturas à Capital Europeia da Cultura 2027, foi lançado um vídeo que ilumina esta questão. Braga, nem sei por onde começar… Dois mil anos de história não são fáceis de contar.

Veja abaixo: