De abrigos de guerra a cenários de fotografia, os bunkers de Taiwan ganham novos propósitos

“Por toda a ilha de Taiwan há vestígios de bunkers abandonados, construídos durante um período em que a ilha estava sob a lei marcial da China e o medo de um ataque era constante. O objectivo destas construções era impedir que os chineses invadissem o território taiwanês.

Apesar da ameaça vinda da China — que reclama a ilha de Taiwan como sua e quer que esta passe a estar sob o domínio de Pequim — ainda não ter desaparecido, as casamatas já não são utilizadas para propósitos de defesa. Actualmente, as estruturas são usadas pelos agricultores como despensas para utensílios, enquanto outras passaram a fazer parte da paisagem e são pontos de interesse procurados por instagrammers.” Mais Informações