Arte pública no 100º aniversário do Massacre Racial de Tulsa

No âmbito do 100º aniversário do Massacre Racial de Tulsa (1921), que viu multidões brancas queimarem o próspero bairro de Greenwood, conhecido como Black Wall Street, mais de 30 artistas de Oklahoma uniram-se para o Greenwood Art Project, uma instalação de arte pública em toda a cidade que conta a história da ascensão e queda do bairro e celebra a resiliência da comunidade no século passado.

O projeto é financiado pela Bloomberg Philanthropies, que concedeu a Tulsa uma de suas bolsas do desafio de arte pública para obras de arte que abordam questões cívicas. Instalações pela cidade, dança e peças de teatro são algumas das propostas que começam a decorrer este mês.

Saiba mais aqui.